• Facebook DiretoDoPlanalto
  • Twitter DiretoDoPlanalto
  • GooglePlus

banner colunista diretas por mariano maciel

PERFIL

Acreano, Mariano Maciel é jornalista (Reg. Prof. 05/DRT-AC), ex-locutor da Rádio Nacional de Cruzeiro do Sul (Radiobrás), vencedor do 1º Prêmio de Jornalismo José Chalub Leite, atualmente é um dos diretores do Portal Direto do Planalto e correspondente do Acre em Brasília.

Seja Visto e Lembrado!

Anuncie aqui

Seja nosso anunciante!

Anuncie aqui

O TSE está sofrendo críticas porque teria tomado uma decisão eminentemente política

Chapa Dilma-Temer I

dilma e temerA criticada decisão do Tribunal Superior Eleitoral em absolver a chapa Dilma-Temer, não passou despercebida pelo presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), José Robalinho.

* O procurador questiona, inclusive, sob o ponto de vista técnico e jurídico, a decisão do TSE.

Chapa Dilma-Temer II

Em entrevista ao jornal Correio Braziliense, o presidente da ANPR diz que todos os quatro ministros que votaram pela absolvição da chapa confirmaram que as provas são graves e os fatos são graves, e buscaram filigranas para não dar sequência ao processo.

Última atualização em Segunda, 12 Junho 2017 21:44

O governo já conta com os votos de 21 dos 22 senadores do PMDB para aprovar a reforma trabalhista

Barbosa, Ayres e PSB

MarianoMacielCom foco nas eleições de 2018, a ex-ministra Marina Silva tenta atrair para seu partido, a Rede, ex-ministros do Supremo Tribunal Federal.

* Marina confirmou ao Estadão que tem conversado com Joaquim Barbosa e Carlos Ayres Britto. Disse, porém, que as conversas são apenas sobre o cenário político brasileiro, embora seus aliados admitam o interesse da sigla em atrair figuras de peso do Judiciário.

Reforma da Previdência I

Tudo indica que só dois deputados da base de apoio ao governo Federal na bancada do Acre votarão a favor da Reforma da reforma da Previdência; os deputados Alan Rick e Flaviano Melo.

Última atualização em Segunda, 15 Maio 2017 21:21

Do senador Paim sobre a Previdência: “Parem de roubar e vamos cobrar os débitos”

Quem diria

Sergio CortesO médico Sérgio Cortês, que já esteve no Acre algumas vezes prestando excelente serviço de atendimento ortopédico por meio do Into – o Instituto Nacional de Traumato Ortopedia - e da Rede D’Or, uma das mais conceituadas redes de hospitais do país, da qual era vice-presidente, continua preso no Rio de Janeiro.

* Ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro, Sérgio Côrtes, e mais duas pessoas são investigadas pelo desvio de R$ 300 milhões de dinheiro público da área de saúde.

BR 364

A bancada do Acre será recebida nesta semana pela diretoria do Dnit para tratar sobre a liberação de recursos para recuperar a BR 364, cujo trecho de Cruzeiro do Sul à capital Rio Branco se encontra quase intrafegável.

* Os senadores e deputados vão tratar também sobre a emenda de bancada de R$ 20 milhões para o anel viário de Brasiléia.

Última atualização em Segunda, 08 Maio 2017 18:12

A tendência da maioria dos deputados da bancada do Acre é votar contra a reforma da Previdência

Dia 10

Lula tristePrevisto para segunda-feira, o depoimento do ex-presidente Lula ao juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato, deve ficar para a semana seguinte, no dia 10. A PF e a Secretaria de Segurança Pública do Paraná pediram a mudança na data alegando motivos de segurança.

* A Sesp diz temer o deslocamento de movimentos populares à cidade devido o feriado do Dia do Trabalho, em 1º de maio.

Bancada do Acre

Apesar da flexibilização do texto, a tendência da maioria dos membros da bancada acreana no Congresso é votar contra a Reforma da Previdência. Nem os deputados da base de apoio apostam na proposta do Palácio do Planalto para resolver a grave situação do sistema previdenciário brasileiro.

Última atualização em Terça, 25 Abril 2017 15:41

Deputado acreano abre mão do conforto e das regalias oferecidas pela Câmara

È o que falta

fgtsO governo vai trabalhar para virar os votos de 13 deputados na comissão especial que analisa a reforma da Previdência na Câmara. O Placar da Previdência, do Estadão, mostra que, no colegiado, apenas cinco deputados dizem votar a favor do texto, enquanto 15 são contrários. O foco do Planalto será nos 10 que têm ressalvas e nos 3 indecisos.

* A tarefa do governo será árdua.

Toma lá, dá cá

Depois do corte de R$ 5,4 bilhões nas despesas com emendas parlamentares obrigatórias no fim de março, o governo decidiu antecipar para abril e maio o desembolso de R$ 1,8 bilhão do volume que sobrou.

 * A liberação ocorre num momento de intensa negociação para aprovação da Reforma da Previdência na Câmara. O projeto enviado pelo governo está em discussão na comissão especial.

Última atualização em Terça, 11 Abril 2017 20:39

Lava Jato: Uma nuvem negra paira sobre a maioria dos políticos em Brasília

Bancada federal no Acre  

bancada no AcreConfirmada a próxima reunião da bancada acreana, em Rio Branco, no próximo dia 17 de abril, com a participação   dos prefeitos municipais, do Governo do Acre e a Associação dos Municípios do Acre. Serão definidos nesse encontro os valores e os ramais que serão beneficiados com emenda impositiva de mais de R$ 150 milhões para a recuperação dos ramais no Estado.

* È tudo o que a comunidade rural quer para sair do atoleiro.

Constrangimento

Na semana passada, enquanto o plenário da Câmara tentava votar o projeto de lei que regulamenta a terceirização em todas as atividades no País, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM), se ausentou por alguns minutos para participar de um evento em comemoração aos 95 anos do PC do B. Em posição central na mesa dos trabalhos, Maia assistiu a um vídeo do partido chamando o presidente Michel Temer de “golpista”, “ilegítimo” e pedindo “Fora Temer”.

* Sem constrangimento, o presidente da Câmara aplaudiu a peça veiculada ontem no rádio e na televisão pelo partido.

Última atualização em Domingo, 02 Abril 2017 02:17

Saia justa na reunião do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, em Rio Branco

Bagagens

bagagesnA maioria dos parlamentes da bancada do Acre já se manifestou pela derrubada da cobrança das bagagens despachadas pelas empresas aéreas A Câmara deve votar esta semana, o projeto de decreto legislativo que susta os efeitos da decisão da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que permitiu que as empresas aéreas passem a cobrar pelas bagagens despachadas.

* O projeto já foi aprovado no Senado e a Câmara precisa ainda confirmar a decisão.

Disputa interna

Além da disputa por mais espaço entre as bancadas da Câmara e do Senado, o que está em jogo no PMDB é quem vai dar as cartas, no partido, nas eleições de 2018.

* Na próxima semana, o presidente Michel Temer deve conversar com o líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros a  fim de aparar as arestas na relação, que voltou a ficar tensas depois de o senador afirmar que o deputado cassado Eduardo Cunha, mesmo da prisão, em Curitiba, pode capturar o governo.

Última atualização em Segunda, 13 Março 2017 20:48

Em causa própria: Deputados correram contra o tempo para salvar partidos que cometem irregularidades

Correria dos deputados

eleicao na camaraDepois de a Operação Lava-Jato desvendar o uso da estrutura financeira de alguns dos principais partidos políticos em atos de corrupção, a Câmara dos Deputados aprovou, em seu primeiro ato legislativo de 2017, a urgência de um projeto que retira poderes do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), como a possibilidade de cassar o registro de uma legenda por irregularidades em sua prestação de contas.

* Cerca de uma hora depois, o TSE decidiu que sorteará entre os sete integrantes da Corte os relatores dos três processos abertos para investigar desvios supostamente cometidos por PT, PMDB e PP na Lava-Jato.

Sabatina tensa  

AlexandreApesar do apoio de PMDB e PSDB, a sabatina de Alexandre de Moraes no Senado será tensa. O PT escalou um time de assessores para trabalhar exclusivamente nas questões que serão feitas pelos senadores do partido. A encomenda é para montar um dossiê com temas “sensíveis” sobre Moraes.

* Como o PT não tem senadores de São Paulo, deputados do Estado, que conhecem sua vida, ajudam a elaborar perguntas.

Última atualização em Domingo, 12 Fevereiro 2017 17:34

Governo do Acre pede transferência de presos e construção de novo presídio

Morto de preocupado

Se depender do senador Eduardo Braga, o clima de tensão nos presídios de Manaus não terá solução tão cedo. Braga, que pleiteia a vaga de governador do Amazonas na Justiça Eleitoral passou a semana no Rio de Janeiro.

* Ele foi localizado na praia com a família pela equipe do Correio Braziliense e disse que só tratará do tema quando voltar de férias.

Transferência de presos

detentosO Governo do Acre pediu ao Ministério da Justiça a transferência, já autorizada pelo Poder Judiciário, de 15 presos para presídios federais. Eles serão transferidos para o presídio de Mossoró (RN). 

* Pede ainda a possibilidade de utilizar parte dos R$ 32 milhões repassados para a construção de novos presídios na ampliação de um presídio já existente, possibilitando, assim, a criação de mais duas mil vagas.

Última atualização em Quinta, 12 Janeiro 2017 02:48

Poder e regalia acirram eleições para presidentes dos Poderes

Sem afobação  

rodrigo maiaDeputado Rodrigo Maia, atual presidente da Câmara, tem recebido conselhos de aliados para repetir estratégia de Eduardo Cunha, que abriu mão do recesso parlamentar para viajar pelos estados em campanha para a presidência da Câmara.

* Maia ainda tem dúvidas. Teme criar um clima de afobação.

Sub judice

Mas o ministro Celso de Mello, do STF, adotou, em despacho, o rito abreviado para a ação direta de inconstitucionalidade do Solidariedade sobre a possibilidade de reeleição do presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

* Com isso, a decisão ficará a cargo do plenário, que só voltará às atividades em fevereiro, depois da eleição para o comando da Câmara. Se vencer, o cargo ficará sub judice.

Última atualização em Quinta, 29 Dezembro 2016 02:36

Procura-se uma nova liderança política

Decisão do TSE

TSEO próximo ano promete mudanças profundas na política brasileira. O ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), disse em entrevista ao Estado, que deixou para o começo de 2017, provavelmente fevereiro, a apresentação do relatório-voto na ação que investiga a prática de abuso de poder político e econômico em benefício dos candidatos Dilma Rousseff e Michel Temer nas eleições de 2014.

Procura-se um líder

Com o aparecimento de nomes de políticos de todos os partidos nas delações da Lava Jato, resta saber quem assumirá a presidência de um país que precisa urgentemente de novas lideranças, honestas e capacitadas.

Última atualização em Domingo, 11 Dezembro 2016 19:22

Temer com relação à Lei do Abuso: se vetar o bicho pega, se sancionar o bicho come

Sem saída

100O presidente Michel Temer está angustiado com a tramitação no Congresso do projeto que trata do abuso de autoridade como juízes e integrantes do Ministério Público.

* Por isso, fará todos os esforços para enterrá-lo ainda no Senado e antes de chegar à mesa dele.

Situação complicada

O cálculo de Temer é o seguinte: se o projeto passar no Congresso e ele sancionar, ficará bem com os parlamentares e mal com a população, que defende investigações como a Lava Jato.

* Se vetar, Temer ficará bem com a população e mal com os parlamentares, de quem depende para aprova projetos importantes.

Última atualização em Sábado, 03 Dezembro 2016 17:12

O PT não se pronunciou sobre quem apoiar ou o que fazer na disputada pela Presidência da Câmara

Comando nacional do PT

Em conversa noutro dia com um ex-deputado federal do Acre, ele dizia à coluna que não sabe quem inventou, em Rio Branco, a notícia de que o governador Tião Viana é o mais cotado para a presidência nacional Partido dos Trabalhadores.

* “Sabe quando as lideranças petistas de São Paulo deixariam isso acontecer? Nunca” – afirmou.

Cotados

Na realidade o nome mais contado para presidir o PT é o do ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, seguido pelo senador Lindbergh Farias e o prefeito de São Paulo Fernando Haddad. O nome de Lula também aparece, mas segundo alguns, ele seria o oposto de uma renovação, como quer a maioria.

Última atualização em Terça, 15 Novembro 2016 21:39

Desenvolvimento Social encontra irregularidades em mais de 1 milhão de benefícios do Bolsa Família

Em causa própria

Dos 27 titulares da Comissão de Constituição e Justiça, apenas oito senadores são favoráveis à PEC que prevê a extinção dos privilégios para políticos, ministros e integrantes do Judiciário. É o que aponta recente pesquisa encomenda pelo jornal Correio Braziliense.

* Somente a pressão da sociedade nas ruas conseguirá derrubar a regalia.  

Farra das passagens

aviaoDaqui pra frente ainda se ouvirá falar muito da “farra das passagens” promovida pela maioria dos deputados e senadores que exerceu mandato até a 54ª Legislatura, que compreende o período de 2011 a 2015. A partir daí, a Mesa Diretora da Câmara estabeleceu novos critérios para a utilização da cota.

* Antes disso, os gabinetes parlamentares mais pareciam agências de viagens.  Salve-se quem puder!  

Última atualização em Segunda, 07 Novembro 2016 20:50

Nome de Haddad ganha força para presidir o Partido dos Trabalhadores

Preocupação...

Cunha presoAntes mesmo de ser divulgada a prisão do deputado cassado Eduardo Cunha, o presidente Michel Temer antecipou sua volta ao Brasil da visita oficial ao Japão. Segundo interlocutores de Temer, ele foi avisado da operação ainda em Tóquio, antes de embarcar para Brasília.

* Cunha só foi preso no fim da manhã, mas logo cedo a Polícia Federal já havia deflagrado a operação no Rio de Janeiro.

...na Corte

Trocando mensagens, do avião que o trouxe de volta do Japão, Temer admitiu, a um interlocutor em Brasília, sua preocupação com a prisão de Eduardo Cunha – que o próprio presidente comentou que já esperava.

Última atualização em Domingo, 23 Outubro 2016 21:01

Decisão do STF de permitir a execução da pena em 2ª instância acaba com a impunidade dos corruptos

 Vai voltar?

Apesar de ter assegurado que deixaria a política, quem conversou com o ex-presidente José Sarney recentemente garante que ele está animadíssimo a disputar uma vaga no Senado pelo estado do Amapá nas próximas eleições.

* Em outubro de 2018, ele terá 88 anos.

Unidos pela crise  

unnamed 13Jorge Viana quer apagar as arestas entre a situação e a oposição no Acre, causadas por ocasião das eleições municipais. “É hora de descer do palanque para superarmos a crise que os municípios enfrentam” - diz ele em todas as entrevistas que concede.

* Prova disso foi o convite feito pelo senador Jorge Viana ao também senador Sérgio Petecão para participar na semana passada da agenda do prefeito Marcus Alexandre nos ministérios, que tratou sobre a liberação de emendas e projetos pendentes.

Última atualização em Domingo, 09 Outubro 2016 03:03

Livro de Cunha sobre bastidores do impeachment de Dilma terá como um dos alvos o presidente Temer

O PT e a floresta I

Lula2Em 1998, com Lula derrotado nas eleições, um companheiro do partido para animá-lo saiu-se com esta: “Nosso partido cresceu, ganhamos no Acre, em Mato Grosso do Sul e no Rio Grande do Sul”.

* Lula olhou meio de lado e respondeu:  “Que crescimento, o quê! Ganhamos foi um parte da floresta, uma fazenda e outro país”.

O PT e a floresta II

Nas eleições de 2016, o receio dos petistas é, em termos de capitais, é ficarem reduzidos a duas partes da floresta: Rio Branco (AC) e Porto Velho (RO).

* As informações são da colunista Denise Rothenburg, do Correio Braziliense.

Última atualização em Sábado, 24 Setembro 2016 20:09

PT vai trocar de comando, mas Lula deve continuar como presidente de honra

Peregrinação

41Marina Silva tem feito uma peregrinação por Brasília para formação de grupos que vão representar a Rede Sustentabilidade nas 19 regiões administrativas do Distrito Federal.

* Marina aposta alto na capital do país, onde arrebatou uma legião de eleitores nos últimos pleitos.

Socorro negado

O apelo dos governadores do Norte e Nordeste por novo socorro financeiro não será atendido pelo Planalto. Alinhada com Michel Temer, a equipe econômica considera que fez enorme esforço atendendo ao pleito feito pelos Estados em junho.

* Na ocasião, foi suspenso por seis meses o pagamento das parcelas das dívidas dos Estados, com prestações suavizadas até 2018, num total de R$ 50 bilhões. Integrante da equipe lembra que foi dado a eles um “baita refresco” e não havia possibilidade de ceder mais ainda.

Última atualização em Sexta, 16 Setembro 2016 22:36

Dilma desembarca na terça 6, em Porto Alegre levando pertences pessoais, livros e a cadela Fafá

Mudança

AlvoradaDilma Rousseff teria trinta dias de prazo, após o impeachment, para deixar o Palácio da Alvorada, mas resolveu antecipar a mudança para Porto Alegre.

* Na próxima terça feira ela utilizará pela última vez uma aeronave da FAB, levando além dos pertences pessoais os livros de cabeceira (que não são poucos) e a cadelinha de estimação Fafá.

Despedida

Petistas prepararam uma despedida para ela no Alvorada e uma recepção na capital gaúcha. Militantes e apoiadores estarão presentes nas duas cidades para prestar solidariedade.

* A ex-presidente se dividirá agora entre Porto Alegre, onde mantem residência particular, Rio de Janeiro, onde a mãe dela reside, e, Brasília para assuntos de natureza política.

Última atualização em Domingo, 04 Setembro 2016 19:07

Governo desiste da CPMF, mas prepare-se para aumento de impostos em 2017

Aumento de salários

balancaNa contramão do discurso de austeridade com as contas públicas, o PMDB, partido do presidente interino, Michel Temer, vem tentando acelerar a aprovação dos projetos que concedem aumentos salariais aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), ao procurador-geral da República e aos defensores públicos.

* Diante da resistência do PSDB e do DEM, que vêm se desentendendo com o governo em relação à condução da pauta econômica, o Executivo recuou, pelo menos temporariamente.

Enquanto...   

O discurso é adiar ao menos para depois da votação do impeachment — daqui a sete dias — a apreciação de projetos que concedem reajustes, incluindo a servidores da Receita Federal e da Polícia Federal, matérias enviadas ao Congresso por Temer há cerca de um mês.

* Nesse caso, o governo quer “segurar” esses reajustes devido ao grave momento de crise econômica que o país atravessa.

...isso

Última atualização em Terça, 23 Agosto 2016 21:23

Gilmar Mendes quer cassar o Partido dos Trabalhadores. Líder da bancada emite nota de repúdio

Registro...     

gilmar mendesO cerco ao PT promete novo capítulo protagonizado pelo presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes. Ele abriu um processo que pode culminar com a cassação do registro do partido.

* Para Gilmar, há inícios de que o PT foi financiado indiretamente pela Petrobras, uma sociedade de economia mista, algo vetado pela legislação eleitoral.

...do PT

O caso cairá nas mãos da corregedora da Justiça Eleitoral, ministra Maria Teresa de Assis Moura, responsável pela análise do processo que vem causando arrepios nas principais lideranças e na militância do Partido dos Trabalhadores.

Última atualização em Domingo, 07 Agosto 2016 23:27

Jornal americano aconselha os atletas que competirão em águas abertas no Rio a “manter boca fechada”

Ano que vem

dilma e temerQuem esperava que fosse ainda neste ano terá que esperar 2017 pelo julgamento da ação de cassação da chapa da presidente Dilma Rousseff e de seu vice Michel Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral. O processo ainda está em fase de acolhimento de provas.

* No TSE, a chapa responde por abuso de poder político e econômico nas eleições de 2014, segundo acusação formalizada na corte eleitoral pelo PSDB.

Agravamento

Enquanto isso, Michel Temer tenta descolar seu processo de Dilma Rousseff, que teve a situação agravada pelo depoimento do marqueteiro do PT, João Santana, ao juiz Sérgio Moro.

Última atualização em Quarta, 27 Julho 2016 17:36

Mais Médicos: Governo Cubano estende por mais quatro meses a permanência dos médicos no país

Ressentimentos    

PlanaltoCasaCivilPRApesar da cautela do Palácio do Planalto para evitar fissuras na base aliada por causa da disputa para a Presidência da Câmara, o deputado Marcelo Castro (PMDB-PI) saiu reclamando que faltou "lealdade". Castro alega que o Planalto fez pressão sobre os peemedebistas a fim de que votassem em outro candidato.

* "É porque eu fui ministro da Dilma [Rousseff], votei contra o impeachment e tinha o apoio do PT", disse o peemedebista em referência à presidente afastada. Castro obteve 70 votos e ficou em terceiro lugar.

Proliferação de partidos

camara plenarioO recorde de candidaturas na eleição para a presidência da Câmara fez o governo endossar um movimento para que PMDB e PSDB, os dois maiores partidos da base aliada do presidente em exercício Michel Temer, retomem no Congresso o debate sobre a imposição de uma cláusula de barreira para limitar a proliferação de legendas e conter a fragmentação partidária.

* A cláusula de barreira é um índice que estabelece um porcentual mínimo de votos válidos que cada partido deve obter nas eleições, caso contrário há limitação ou perda de acesso ao Fundo Partidário, ao tempo de TV e atuação parlamentar. Os pequenos partidos, claro, são contra.

Última atualização em Terça, 19 Julho 2016 16:51

Saída de Cunha da Presidência da Câmara representa a retirada de mais uma pedra no sapato de Temer

Fim...   

01Depois de muito debate e enfrentamento, além da estratégia de obstrução promovida por deputados do PT, PCdoB e PSol, foi enfim aprovado na Comissão Especial da Câmara, o projeto de lei que acaba com a exclusividade de exploração do pré-sal pela Petrobras.

* A proposta, já foi aprovada pelo Senado e segue agora para votação no plenário da Câmara, o que só deve acontecer após o recesso parlamentar, no mês de agosto.

...da exclusividade  

O texto altera a lei que instituiu o regime de partilha e obrigou a Petrobras a ser operadora exclusiva de todas as etapas da exploração do petróleo do pré-sal, desde a avaliação dos poços até a instalação e desativação dos equipamentos de produção.

* De acordo com o texto do relator, além de acabar com a exclusividade, a proposta desobriga a Petrobras de participar com pelo menos 30% dos investimentos em todos os consórcios de exploração da camada do pré-sal. Essa participação mínima só será exigida nas áreas estratégicas. O que não for considerado estratégico será leiloado.

Última atualização em Sábado, 09 Julho 2016 17:28

Manobras do crédito consignado movimentaram mais de R$ 170 bilhões de janeiro a abril deste ano

Ganância...   

dinheiroNão bastasse usar de artifícios mesquinhos para surrupiar dinheiro do servidor público por meio de empréstimos consignados, o governo Dilma não se cansava de tentar, a todo custo, ressuscitar a CPMF, o imposto do cheque.

* Sem contar que o trabalhador brasileiro é obrigado a conviver com a maior carga tributária do mundo.  

...federal  

Manobras do crédito consignado, alvo de fraude que levou o ex-ministro Paulo Bernardo à cadeia, movimentaram mais de R$ 170 bilhões, de janeiro a abril de 2016.

* O valor é quase 10 vezes superior aos R$ 18 bilhões, desse mesmo tipo de empréstimo, a que recorreram 32 milhões de trabalhadores do setor privado em igual período.

Última atualização em Sábado, 25 Junho 2016 20:58

Blogs

Altino Machado
Acesse o blog

Josias de Souza
Acesse o blog

Ancelmo Goes
Acesse o blog

Fernando Rodrigues
Acesse o blog

Fábio Pontes
Acesse o blog

Ricardo Noblat
Acesse o blog

DIRETO DO PLANALTO RECOMENDA:

DIRETO DO PLANALTO
WWW.DIRETODOPLANALTO.COM


Direto do Planalto é uma publicação de MMPL Consultoria, Marketing e Divulgação
Diretor Responsável - Mariano Maciel (Reg. Prof. 005/DRT-AC)
Artigos e matérias assinados são de responsabilidade de seus autores
Fale conosco: (diretodoplanalto2015@gmail.com)

Permitida a reprodução com citação da fonte. © 2014 - 2016  Direto Do Planalto.